Ginecologista: TUDO o que precisa saber antes da consulta

Bruna Machado Mendes
Tudo o que você precisa saber sobre a consulta com o ginecologista.

Como Médica Ginecologista há muito anos, sei que a Consulta com Ginecologista sempre é motivo de dúvida para diversas mulheres, seja no primeiro atendimento ou até mesmo após já ter frequentado mais de uma vez o consultório desse profissional.

É comum que muitas não saibam para o que ele serve, quais procedimentos devem ser feitos por ele e quais doenças podem ser tratadas. Pensando nisso, criamos um texto completo para todos que possuem essas ou mais dúvidas.

Trataremos nessa publicação:

 

Se você não encontrar a resposta que precisa nesse texto ou nos links que disponibilizamos ou quiser agendar uma consulta com um de nossos ginecologistas, estamos à disposição pelo link abaixo:

O Médico Ginecologista

O ginecologista é o profissional mais especializado para as mulheres, sendo um dos mais importantes para cuidar da saúde delas. É da responsabilidade dele prevenir e tratar todas as doenças que envolvam o sistema reprodutor feminino, ou seja, vagina, útero, ovários, tubas uterinas e também as mamas.

Ele pode ser procurado após a primeira menstruação ou relação sexual, e acompanha até depois da menopausa. Para esse especialista, toda mulher é única. Por esse motivo cada caso é analisado de maneira particular, indicando qual a melhor solução para o problema de cada uma.

Esse profissional pode diagnosticar diversas enfermidades, realizar exames, indicar os melhores métodos anticoncepcionais, orientar sobre a prevenção de doenças sexualmente transmissíveis e como prevenir uma gravidez indesejada, e também pode auxiliar aquelas que querem engravidar.

Quer saber um pouco mais sobre quem é o médico ginecologista? Preparamos um texto especialmente para você. Caso a dúvida seja sobre o Ginecologista Infantil, não tem problema! Temos um explicando direitinho como é a consulta com esse profissional.

Qual a diferença entre Ginecologista e Obstetra?

A ginecologia tem como responsabilidade examinar e tratar tudo que estiver relacionado com o aparelho genital feminino e as mamas. Já a obstetrícia tem como principal objetivo estudar a reprodução da mulher.

Ou seja, o profissional especializado em obstetrícia cuida da paciente durante a gestação, realiza o parto e acompanha até o puerpério (período pós-parto). Muitos são especialistas em ginecologia e obstetrícia ao mesmo tempo.

Como é a consulta com ginecologista?

Durante a consulta ginecológica é comum que tudo comece com um bate-papo. O profissional costuma perguntar como é o ciclo menstrual, qual a data da última menstruação, sobre as relações sexuais e se a paciente tem alguma doença, mesmo que seja de responsabilidade de outra especialidade.

Após essa conversa inicial, o médico pode realizar o exame do toque nas mamas e em casos em de mulheres que já tiverem tido relações sexuais é feito também o Papanicolau. Esse exame, também chamado de preventivo, serve exatamente para o que o nome diz, prevenir e detectar alguma doença no início.

Depois de ser feito uma análise geral, é possível que o médico peça alguns exames complementares e recomende que marque o retorno para verificar o resultado de cada um deles. Caso a mulher ainda esteja com alguma dúvida, também podem ser feitas perguntas antes de finalizar o atendimento.

Como é a primeira vez com ginecologista?

As meninas costumam começar a consultar um ginecologista entre 13 a 15 anos. Ser atendido pela primeira vez por esse profissional pode ser motivo de vergonha, medo e ansiedade em muitas adolescentes.

O ideal é que a paciente ou a mãe escolham um especialista de confiança, em que a adolescente se sinta segura para falar e tirar todas as dúvidas. A primeira consulta geralmente é uma conversa informal, perguntando todo o histórico.

Caso a menina seja virgem, o ginecologista examina apenas a parte superficial. Se não for mais, o profissional pode fazer o exame de toque e em alguns casos recolher o material para o Papanicolau. Lembrando que todos os procedimentos só são realizados se a paciente se sentir pronta.

Saiba mais como é a primeira consulta com o ginecologista.

Quais os Exames Ginecológicos mais comuns?

Como foi falado no tópico anterior, é comum que os profissionais especializados na saúde feminina façam alguns exames ginecológicos e até peçam outros para complementar o check-up. Os mais comuns são:

Papanicolau: Costuma ser feito na própria consulta, mas também pode ser realizado em algum laboratório indicado pelo médico. No procedimento é feito uma “raspagem” com um objeto parecido com um cotonete, tirando uma pequena amostra do conteúdo vaginal. Ele serve para detectar se há alguma infecção ou alteração na vagina e no útero, e até mesmo detectar câncer. O exame é indolor.

Ultrassonografia Pélvica: Também chamado de Transvaginal, esse tipo de ultrassonografia consiste na colocação de um transdutor na barriga ou na vagina. Com a imagem nítida produzida durante esse exame é possível observar como está a saúde do útero e dos ovários, verificando se há alguma doença.

Exame clínico das mamas: Para notar se há alguma alteração nas mamas é possível que o médico realize o exame do toque. Para complementar, é comum que também haja uma ultrassonografia que permita olhar com mais precisão.

Colposcopia: Esse costuma ser solicitado como de rotina, mas também pode ser uma forma específica de analisar a causa da alteração do Papanicolau. O profissional coloca algumas substâncias com coloração e observa as alterações com uma espécie de binóculo.

Vulvoscopia: Nesse procedimento a mulher deita em uma maca, de barriga para cima e com as pernas abertas na cadeira ginecológica, para que o médico possa analisar a vulva e a vagina. O exame é rápido e indolor.

Realizando esses exames é possível prevenir as principais doenças ginecológicas e até mesmo detectar alguma precocemente caso já estejam no organismo da paciente. Quanto antes for diagnosticada, menos chances de causar danos à saúde. Entenda melhor para que servem os exames ginecológicos.

Quais são as doenças mais frequentes?

Existem diversas doenças ginecológicas que podem causar problemas para a saúde da mulher. As principais delas são:

Síndrome do Ovário Policístico (SOP): O distúrbio causa alterações nos níveis hormonais, aumentando a produção de hormônios masculinos. Essa doença leva a formação de micro cistos no ovário, causando menstruações irregulares.

Candidíase: Essa enfermidade é causada por fungos que provocam um corrimento esbranquiçado e irritação na vagina. De acordo com estudos, esse fungo faz parte da flora vaginal e pode desencadear por baixa imunidade, contato íntimo ou compartilhamento de objetos pessoais.

Vulvite e Vulvovaginite: Ambas são inflamações no órgão genital feminino, causadas pela presença de micro-organismos que provocam corrimento. Outra causa são alguns tecidos de calcinhas, papel higiênico com perfume ou pigmento, sabonetes com perfumes, amaciantes e duchas vaginais.

Endometriose: Todos os meses o endométrio fica mais espesso para que os óvulos possam ser fecundados, quando não há gravidez, ele descama e vira menstruação. Essa doença é causada quando o sangue vai para o sentido oposto, entra nos ovários ou na cavidade abdominal, provocando uma lesão endométrica.

Quer saber um pouco mais sobre quais são as principais doenças ginecológicas? Acesse o link.

Como prevenir as doenças ginecológicas?

Existem algumas medidas que podem ser tomadas para prevenir os principais problemas vaginais, sendo eles:

  • Prevenir as duchas vaginais
  • Evitar usar roupas justas e apertadas
  • Não ter relações sexuais sem o preservativo
  • Não utilizar sabonetes perfumados
  • Utilizar calcinhas feitas de algodão

Quais são os anticoncepcionais mais indicados pelos ginecologistas?

Hoje existem diversos métodos contraceptivos no mercado. Cada um age de uma maneira diferente e para definir qual é o mais eficiente para o caso é indicado que a mulher converse com o ginecologista.

Apenas sabendo todas as informações da paciente, como por exemplo, como é a rotina, se a pessoa é organizada ou não, e como é a vida sexual de cada uma, é possível escolher o melhor.

Veja quais são os principais:

Ainda está em dúvida sobre como funciona os métodos contraceptivos? Veja esse texto.

Quanto custa uma consulta com Ginecologista?

O preço da consulta com esse especialista pode variar dependendo do médico. Os valores dos atendimentos com ginecologistas particulares costumam ser exorbitantes. Para quem quer um profissional especializado, sem precisar gastar muito, é indicado procurar uma clínica popular.

A GlobalMed clínica oferece atendimento com essa especialidade médica, com toda a qualidade e preços acessíveis. Além disso, há a possibilidade de realizar exames e procedimentos ginecológicos, como a colocação do DIU.

Como escolher uma clínica Ginecológica ou um ginecologista?

O médico ginecologista acompanha as mulheres desde a adolescência até a terceira idade. Por isso, é importante procurar um especialista que esteja atento a saúde da mulher em geral, diagnosticando qualquer irregularidade que possa acontecer.

O profissional precisa ser um bom ouvinte, oferecer um consultório limpo e com todos os utensílios necessários para examinar as mulheres, e o mais importante é que a paciente se sinta confortável com o ginecologista escolhido. Caso contrário, é indicado procurar outro.

O que fazer em caso de emergência?

Algumas clínicas e hospitais fornecem pronto socorro ginecológico. Quando há alguma urgência, como por exemplo, quando as mulheres sentem dores, ou tenham hemorragias, infecções ou qualquer outro problema que precise de um ginecologista, o paciente pode procurar esses locais.

O principal objetivo é atender com rapidez e agilidade, diagnosticando e indicando o melhor tratamento para a paciente. É importante para a saúde da mulher procurar um local com profissionais especializados. Caso os sintomas não sejam resolvidos por completo, é importante marcar uma consulta com um ginecologista.

Existem alguns casos que necessitam do atendimento de um ginecologista. Confira quando procurar uma clínica ginecológica.

Não encontrou aqui todas as informações que buscava? Deseja ser atendido por um de nossos especialistas? Clique no link abaixo e agende sua consulta:

AGENDE ONLINE!
AGENDE ONLINE NOSSAS UNIDADES