Consulta com Ginecologista Particular: preços e informações

Avatar
Todas mulheres devem ir a uma consulta com ginecologista pelo menos uma vez ao ano.

Antes de consultar um médico ginecologista, sempre surgem algumas dúvidas, até mesmo para quem já foi atendido mais de uma vez. A maioria delas são: para o que serve esse profissional? Quando consultá-lo? Quais são os procedimentos realizados? Quais doenças podem ser tratadas? Com que frequência devo ir às consultas? O que o ginecologista examina na primeira consulta?

Integrado ao dia a dia de pacientes mulheres — que desde cedo são orientadas a visitar esse especialista —, o médico é imprescindível em diferentes fases das vidas delas: desde a primeira menstruação, ou até mesmo antes dela, durante uma gravidez e após a menopausa, de modo a cuidar de sua saúde relacionada também a hormônios e à vida sexual.

Quer saber mais sobre o tema e entender porque o especialista é tão importante? Então, não deixe de ler nosso artigo a seguir!

Qual a função do ginecologista?

A ginecologia é a especialidade médica mais importante para a saúde da mulher, podendo acompanhá-la por toda a vida. O especialista responsável por essa área é o ginecologista. Esse médico é o responsável por prevenir, diagnosticar e tratar as doenças relacionadas com o aparelho reprodutor feminino, ou seja, útero, ovário, trompas e vagina, e também as mamas.

Ele pode ser consultado por mulheres que já iniciaram o ciclo menstrual e, principalmente, por aquelas que têm uma vida sexual ativa. Mesmo após já ter entrado na menopausa, todas as mulheres podem continuar consultando-o, seja para fazer check-up da saúde ou, até mesmo, para realizar reposição hormonal.

Mesmo para aquelas que não tenham nenhuma doença, é muito importante realizar consulta com esse especialista no mínimo uma vez por ano. Durante o atendimento podem ser feitos exames como o Papanicolau, que serve para a prevenção do câncer de colo uterino. Realizando todos os procedimentos é possível evitar diversas enfermidades e tirar todas as dúvidas.

O que faz um ginecologista especializado em obstetrícia?

Muitos ginecologistas são especialistas em ginecologia e obstetrícia. Além de todo o cuidado com a mulher, o médico que é especializado nessa área também pode acompanhá-la durante toda a gravidez. Ou seja, é responsável por cuidar da gestação, realizar o parto e conduzir a mãe no período do puerpério.

Quais doenças são tratadas por um ginecologista?

A consulta com esse médico pode acontecer muito antes de ocorrer a primeira relação sexual. Dessa forma, é possível conhecer todos os métodos contraceptivos, entender o que são e como prevenir as doenças sexualmente transmissíveis, além de poder fazer perguntas sobre qualquer insegurança.

Quando a mulher já tem uma vida sexualmente ativa, a procura pelo especialista deve seguir uma rotina, prevenindo o surgimento de diversas doenças. As mais comuns que os ginecologistas tratam são:

Além dessas enfermidades, a consulta com ginecologista também deve ocorrer para conversar sobre os efeitos da tensão pré-menstrual (TPM), ou quando a mulher deseja dar início ao uso de algum método anticoncepcional.

Isso porque existem diversas opções disponíveis no mercado, com diferentes composições e formas de uso, que se adaptam melhor ao organismo de cada mulher. Algumas pílulas, por exemplo, apresentam dosagem de estrogênio superior à de outras, o que pode ser contraindicado, dependendo das condições clínicas e histórico familiar da paciente.

Quer saber um pouco mais sobre as doenças tratadas por esse médico? Leia sobre as 6 principais doenças ginecológicas.

Quais sintomas requerem a visita a um ginecologista?

Para mulheres que já têm vida sexual ativa, além da consulta anual para agendar exames ginecológicos e laboratoriais e verificar se não há quaisquer problemas de saúde aos quais dar uma atenção especial, há sintomas que podem requerer uma visita mais urgente ao especialista.

Abaixo, explicamos brevemente cada um deles.

Menstruação atrasada

Quando a menstruação atrasa, a primeira preocupação da maior parte das mulheres é com uma gravidez não planejada e indesejada. Todavia, essa nem sempre é a razão desse sintoma, que requer um olhar atento.

Em situações nas quais a menstruação atrasa mais de 40 dias (o atraso pode se prolongar por meses) pode haver suspeita de síndrome de ovários policísticos, estresse, distúrbios alimentares, carências nutricionais ou disfunções hormonais.

Sangramento fora da menstruação

Tanto quanto o atraso ou a falta de sangramento, o excesso de sangue requer uma consulta com ginecologista. Não à toa, ele coloca a mulher em risco e pode apontar para uma hemorragia ou deficiência de ferro, como a anemia.

Dor ao urinar

A dor ao ato de urinar tende a apontar para uma infecção urinária. Embora o problema seja bastante comum, seu tratamento pode implicar no uso de antibióticos e todo o acompanhamento deve ser feito com ginecologista, já que também há sintomas semelhantes em casos de algumas doenças sexualmente transmissíveis.

Excesso de cólica menstrual

Sente muitas dores antes, durante ou após a menstruação? Ainda que o ciclo de cada mulher seja único e algumas sofram com dores mais do que outras, dentro dos limites da normalidade, o excesso de cólicas pode lançar suspeitas sobre males como a endometriose.

Dor ao fazer sexo

Responsável por orientar e zelar pela saúde sexual da mulher, é comum que o ginecologista atenda pacientes que sentem dores durante o sexo.

A dor, em muitos casos, está relacionada ao ressecamento vaginal que pode, também, vir acompanhado de baixa libido. Isso diminui a autoestima e acende um sinal vermelho sobre as possíveis causas do problema.

O que perguntar ao ginecologista?

Está com hora marcada e não sabe o que perguntar ao seu médico? Então, leia nossas sugestões a seguir de questões que podem auxiliar! Leve em consideração que, embora algumas sejam generalistas, outras atendem a casos mais específicos.

  • Qual é o melhor método contraceptivo para mim?
  • Devo fazer testes para doenças sexualmente transmissíveis?
  • As secreções vaginais que tenho são normais?
  • Meu ciclo menstrual tem muitas variações. Ele pode estar irregular?
  • Sinto dor ao fazer sexo. Posso estar com problemas?
  • Posso estar com HPV?
  • Preciso fazer reposição hormonal?
  • Estou tentando engravidar e não consigo. Posso ser infértil?

Qual o preço da consulta?

O preço da consulta com ginecologista particular costuma variar de R$ 400,00 a até mais de R$ 1 mil. Devido ao alto valor, muitas pessoas deixam de consultar esse especialista ou ficam dependendo da espera por um atendimento fornecido pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Se você está precisando marcar consulta com ginecologista e procura um local com valor mais acessível, então você precisa conhecer uma opção que está beneficiando pessoas em todo o país. Essas são as clínicas médicas populares. Os locais costumam proporcionar um excelente atendimento, com baixo preço.

A GlobalMed é uma opção das que se destaca por proporcionar ginecologista particular acessível e de qualidade. Além do atendimento, a clínica oferece diferentes opções de exames, para que os pacientes possam receber um ótimo atendimento.

Gostou de nosso artigo e das informações que oferecemos? Então, compartilhe o post em suas redes sociais para que mais amigas suas se informem sobre a importância do ginecologista e possam recorrer a esse profissional!

Não encontrou aqui todas as informações que buscava? Deseja ser atendido por um de nossos especialistas? Clique no link abaixo e agende sua consulta:

AGENDE ONLINE!
AGENDE ONLINE NOSSAS UNIDADES