Conjuntivite: Porque há um surto no verão?

A conjuntivite acontece na membrana que envolve a parte branca dos olhos

No período de calor costumam ocorrer surtos de conjuntivite no Brasil. Isso acontece, pois o mormaço unido a ida em locais lotados, como por exemplo, praias e piscinas, aumentam a probabilidade de seu surgimento. Além disso, ela é altamente contagiosa, principalmente nos primeiros dias de sintomas.

A conjuntivite costuma iniciar somente em um dos olhos e geralmente em alguns dias o outro olho também é contaminado por estarem muito próximos. É possível notar a doença devido a vermelhidão causada pela  inflamação que atinge a membrana transparente que reveste a parte branca das vistas.

Quais são os tipos de conjuntivite?

Essa doença pode ser dividida em diversos tipos, mas os principais são:

Conjuntivite Infeciosa (Viral ou Bacteriana): Esse tipo pode ser causado por uma bactéria ou vírus. Para trata-lo é necessário ir a um médico que indicara o remédio ideal para o caso. Sua transmissão é feita através do contato da secreção de um olho infectado e um saudável.

Conjuntivite Alérgica: Acontece quando os olhos entram em contato com alguma substância que possa irrita-los. Ela pode ser causada por pó, mofo, pelo de animal, entre outros. Embora os olhos fiquem inflamados, ela não é transmissível.

Quais os principais sintomas da doença?

Segundo o Ministério da Saúde os principais sintomas são:

  •  Olhos vermelhos e lacrimejantes
  • Pálpebras grudadas ao acordar
  • Sensação de ter algo nos olhos (areia, cílios)
  • Pálpebras inchadas
  • Fotofobia
  • Secreção
  • Coceira

Quais medidas devem ser tomadas caso a doença seja comprovada?

Para evitar contaminar outras pessoas, auxiliando também no tratamento da doença, é preciso seguir algumas regras de higiene, sendo elas:

  • Não coçar os olhos
  • Lavar as mãos várias vezes ao dia ou sempre que colocar a mão no rosto
  • Não frequentar piscinas ou praias
  • Não compartilhar maquiagens ou objetos que cheguem perto dos olhos
  • Utilizar óculos de sol, evitando assim a luz solar
  • Não utilizar maquiagens ou lente de contato

 O que devo fazer em caso de suspeita de conjuntivite?

Segundo o Conselho Brasileiro de Oftalmologia, é necessário consultar um oftalmologista assim que aparecerem os primeiros sintomas. Cada um dos tipos de conjuntivite devem ser tratados de maneiras diferentes apesar dos sintomas serem semelhantes. Por isso, não utilize nenhum remédio e procure um especialista.

Não encontrou aqui todas as informações que buscava? Deseja ser atendido por um de nossos especialistas? Clique no link abaixo e agende sua consulta:

AGENDE ONLINE!
AGENDE ONLINE NOSSAS UNIDADES